Please ensure Javascript is enabled for purposes of website accessibility

X

Carrinho
Portal do Aluno
Portal do Professor

Notícias

17/07/2023

[Opinião] Cibersegurança e Segurança Nacional

- Fonte: https://www.igoai.org/

Cibersegurança e Segurança Nacional Por Jassim Haji, Ph.D.

[Opinião] Cibersegurança e Segurança Nacional

[opinião]*** Cibersegurança e Segurança Nacional

[english bellow]

Por Jassim Haji*, Ph.D.
Traduzido por Thiago Felipe S. Avanci**, Ph.D.
 
Cibersegurança é muito importante para todos nós, pois vivemos em uma era em que informações e dados são nossos ativos mais valiosos. É por isso que o mundo de hoje está tão focado na privacidade de dados e informações pessoais. Ciberataques são uma ameaça potencial para todos, com vírus e phishing capazes de atingir dispositivos móveis de indivíduos, empresas e governos. Portanto, é crucial que nos concentremos no desenvolvimento e produção de tecnologias seguras.

Uma Nova Abordagem para a Cibersegurança e Segurança Nacional

A segurança da informação é como uma cebola, com várias camadas. As pessoas assumem que a tecnologia é tudo, mas é apenas uma camada e talvez a mais fácil. As pessoas tendem a negligenciar que a propriedade de ecossistemas, patentes, regulamentações, leis, diretrizes, estratégias cibernéticas, processos, procedimentos operacionais padrão, melhores práticas e diplomacia cibernética são igualmente importantes. E às vezes, até mais desafiadoras.

O objetivo da Huawei é oferecer uma abordagem inovadora para a cibersegurança e soberania digital nacional. Cumprindo as legislações nacionais e adotando uma atitude responsável em relação ao contexto legal de segurança, algo pelo qual todos os fornecedores de redes 5G têm a responsabilidade de fazer.

O equipamento de rede 5G da Huawei permite que as nações usem seus próprios algoritmos de criptografia, cujas chaves de criptografia não estão disponíveis para a Huawei, terceiros ou outros governos - apenas os operadores móveis locais têm permissão para realizar a descriptografia quando legalmente exigido. Assim, eles não têm acesso aos dados que fluem por seus equipamentos. Nossa estratégia central é apoiar a soberania nacional de dados de cada país.

A Importância dos Padrões em Cibersegurança

A Huawei é uma grande defensora dos padrões de cibersegurança reconhecidos e acordados globalmente. Eles acreditam que a confiança precisa ser baseada em fatos, que precisam ser verificáveis, e que a verificação precisa ser baseada em padrões comuns. Com base nas práticas do setor, a certificação é a forma mais eficaz de lidar com questões de segurança. A certificação é uma verificação de que todos interpretam os padrões da mesma maneira e, portanto, garante a interoperabilidade. Isso significa que os equipamentos de diferentes fornecedores podem funcionar perfeitamente juntos.

Desafios de Segurança do 5G

O 5G enfrenta desafios de segurança devido a novos serviços, arquiteturas e tecnologias, bem como requisitos mais elevados de privacidade e proteção do usuário. No entanto, o 5G é o padrão de telecomunicações mais seguro desenvolvido até o momento pela indústria.

Os ativos das redes sem fio e de núcleo, recursos de computação, contas, senhas, registros, configurações e registros de dados de cobrança (CDRs) são operados e mantidos pelos operadores, não pelos fornecedores de equipamentos. Hackers atacam redes sem fio na tentativa de roubar e adulterar dados pessoais dos usuários ou comprometer a disponibilidade de redes ou recursos de computação. A maneira como os fornecedores de equipamentos trabalham em conjunto com os operadores para dificultar isso para os hackers é implementando as especificações do 3GPP.

*O autor, Dr. Jassim Haji, é um especialista internacional, estrategista e pesquisador em Inteligência Artificial e Transformação Digital. É o presidente do International Group of Artificial Intelligence (IGOAI). Ele participou como palestrante principal e presidente em mais de 300 conferências de tecnologia no Oriente Médio e na Europa, abordando as mais recentes tecnologias, como Inteligência Artificial, Computação em Nuvem, Big Data, Segurança Cibernética e Transformação Digital. Ele também publicou artigos relacionados aos temas mencionados. Dr. Haji conquistou quarenta e três prêmios de destaque em tecnologia, inovação e empreendedorismo no Oriente Médio, incluindo 12 prêmios distintos de Chefe de Tecnologia da Informação. Além disso, ele foi destaque em 19 revistas internacionais de tecnologia e aviação, com mais de 180 entrevistas. Além disso, ele possui cinco livros publicados em inglês e árabe sobre Inteligência Artificial, Algoritmos, Transformação Digital pós-COVID-19, Gestão de Tecnologia e Cultura Organizacional, e mais de 720 artigos sobre tecnologias com imprensa e mídia internacional em ambos os idiomas, inglês e árabe. Dr. Haji obteve seu Doutorado em Administração de Empresas (PhD) pela Universidade de Northumbria, em Newcastle, Reino Unido, em 2010. Ele concluiu seu mestrado em Gestão de Tecnologia da Informação na Universidade de Sunderland, Reino Unido, e se formou em telecomunicações no famoso Cable and Wireless College, em Cornwall, Reino Unido. Mais informações: www.igoai.org.

** O tradutor, Dr. Thiago Felipe S. Avanci, é Ph.D. em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (Brasil – 2020), com bolsa integral e aprovação summa cum laude. Estágio de Pós Doutorado pelo Mediterranea International Centre for Human Rights Research, Università Mediterranea di Reggio Calabria (Itália – 2021), com bolsa integral. Mestre em Direito pela Universidade Católica de Santos (Brasil – 2011), com bolsa integral CAPES e aprovação summa cum laude. Pós-Graduado em Gestão Pública, Gestão Pública Municipal pela Universidade Federal de São Paulo (Brasil – 2019). Professor da graduação dos cursos de direito da Universidade Paulista (Brasil – 2014-…), da Universidade Católica de Santos (Brazil – 2022-…), da Universidade São Judas Tadeu (Brasil – 2017-…). Professor de pós-graduação de cursos de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie (Brazil – 2022-…). Presidente da Escola Superior de Advocacia of OAB/SP Guarujá (Brasil – 2022 – …). Pesquisador do Centro de Estudos Sociedade e Tecnologia (CEST) /Faculdade Politécnica / Universidade de São Paulo (Brasil – 2020-…). Advisory board member do IGOAI (Inglaterra – 2021- …) e da Global AI Ethics Institute (França/Croácia – 2021-…). Editor científico da Journal of Liberty and International Affairs (Macedônia do Norte – 2021-…). Líder do Grupo CNPq Direitos Fundamentais, Ambiente, Sociedade e Tecnologia (DFAST) ligado à Universidade Católica de Santos (Brasil -2023-…). Avaliador INEP/MEC (Brasil – 2018-…). Advogado e Legal Head desde 2008. Professor desde 2009. Gestor em Recursos Humanos e de Departamento Jurídico desde 2008. Servidor público municipal desde 2019. Autor de diversos livros de direito.

 

*** A Escola Superior de Advocacia Núcleo Guarujá é uma instituição vinculada à Ordem dos Advogados do Brasil que tem como objetivo oferecer aulas específicas para o aperfeiçoamento de advogados e operadores do direito como Juízes, Ministério Público, Advogados, estudantes, entre outros. Atualmente, o Dr. Thiago Felipe Avanci é o presidente da Unidade Guarujá da Escola Superior de Advocacia.


 

[opinion]*** Cybersecurity and National Security

By Jassim Haji*, Ph.D.
Translated to PTBR by Thiago Felipe S. Avanci**, Ph.D.
 
Cybersecurity is very important to all of us because we’re living in an era where information and data are our most valuable assets. That’s why today’s world is so focused on data privacy and personal information. Cyberattacks are a potential threat to everyone, with viruses and phishing able to target individuals’ mobile devices, companies, and governments. So it’s crucial for us to focus on developing and producing secure technologies.
 
A New Approach to Cybersecurity and National Security
 
Information security is like an onion in that it has multiple layers. People assume that technology is everything, but it is only one layer and perhaps the easiest one, People tend to overlook that ecosystem ownerships, patents, regulations, laws, directives, cyber strategies, processes, standard operating procedures, best practices, and cyber diplomacy are equally important. And sometimes even more challenging.
 
Huawei's goal is to provide a fresh approach to cybersecurity and national digital sovereignty. By complying with national legislations and take a responsible attitude to the legal context of security, something that every 5G network vendor has a responsibility to do.
 
Huawei’s 5G networking equipment allows nations to use their own encryption algorithms, the encryption keys of which are not available to Huawei, outsiders, or other governments – only local mobile operators are allowed to perform decryption when legally required to do so. Thus they don't not have access to data which is flowing through their equipment. Central our strategy is to support the national data sovereignty of every country.
 
The Importance of Standards in Cybersecurity
 
Huawei is a strong advocate for cybersecurity standards that are globally recognized and agreed upon. They believe that trust needs to be based on facts, facts need to be verifiable, and verification needs to be based on common standards. Based on industry practices, certification is the most effective way to address security issues. Certification is verification that everyone reads standards in the same way and it therefore guarantees interoperability. That means that different vendor’s equipment can work seamlessly together.
 
5G Security Challenges
 
5G faces security challenges due to new services, architectures, and technologies, as well as higher user privacy and protection requirements. However, 5G is the most secure telecommunications standard that the industry has developed to date.
 
The assets of wireless and core networks, computing resources, accounts, passwords, logs, configurations, and charging data records (CDRs) are operated and maintained by operators, not equipment’s vendors. Hackers attack wireless networks in an attempt to steal and tamper with users’ personal data or compromise the availability of networks or computing resources. The way in which equipment vendors work together with operators to make this more difficult for hackers is by implementing 3GPP specifications.
 
* The author, Dr. Jassim Haji, is an international expert, strategist and researcher in Artificial Intelligence and Digital Transformation. He is the chairperson of the International Group of Artificial Intelligence (IGOAI). He has participated as keynote speaker and chairman in over 300 technology conferences in Middle East and Europe to cover latest technologies such as Artificial Intelligence, Cloud Computing, Big Data, Cyber Security and Digital Transformation. He also published articles in relation to the above topics. Dr. Haji managed to achieve forty-three top Middle Eastern technology, innovation and entrepreneurship awards, including 12 Chief of Information Technology distinguished awards. Furthermore, he was featured on cover pages of 19 international technology and aviation magazines with over 180 interviews. Moreover, he has five books published in English and Arabic on Artificial Intelligence, Algorithm, Digital Transformation post COVID-19, Technology Management and Organisation Culture, and over 720 articles on technologies with international press and media in both English and Arabic languages. Dr. Haji received his Doctorate in Business Administration (PhD) from the University of Northumbria at Newcastle, UK in 2010. He has completed his Master’s degree in management of Information Technology from the University of Sunderland, UK and graduated in telecommunications from the famed Cable and Wireless College, Cornwall, UK. More info is available at www.igoai.org

** The PTBR translation is provided by Dr. Thiago Felipe S. Avanci. He holds a Ph.D. in Economic and Politic Law at the Universidade Presbiteriana Mackenzie (Brazil – 2020), with a full scholarship and summa cum laude approval. He holds a Post-Doctoral stage at the Mediterranea International Center for Human Rights Research, connected with Università Mediterranea di Reggio Calabria (Italy – 2021), with full a scholarship. He is a Master in Law at the Universidade Católica de Santos (Brazil – 2011), with a full CAPES scholarship and summa cum laude approval. He holds a postgraduate diploma in Public Management, Municipal Public Management at the Federal University of São Paulo (Brazil – 2019). He is Professor of Law School at Universidade Paulista (Brazil – 2014-…), at Universidade Católica de Santos (Brazil – 2022-…), and at Universidade São Judas Tadeu (Brazil – 2017-…). He is a Professor of Law of post-degree law courses at Mackenzie Presbyterian University (Brazil – 2022-…). Chairperson of the Escola Superior de Advocacia of OAB/SP Guarujá (Brazil – 2022 – …). He is a researcher at the Society and Technology Study Center (CEST)/Escola Politécnica/Universidade de São Paulo (Brazil – 2020-…). Also, he is an advisory board member of the IGOAI (England – 2021-…), and of the Global AI Ethics Institute (France/Croatia – 2021-…). He is a scientific editor of the Journal of Liberty and International Affairs (North Macedonia – 2021 – …). Leader of CNPq Research Group Grupo Fundamental Rights, Environment, Society and Technologies – Direitos Fundamentais, Ambiente, Sociedade e Tecnologias (DFAST) connected to the Universidade Católica de Santos (Brazil -2023-…). He is an INEP/MEC Evaluator (Brazil – 2018-…). He is a Lawyer and a Legal Head since 2008; a human resources manager, and a legal department manager since 2008; a professor of law since 2009; and a municipal civil servant since 2019. He is the author of several legal books.

*** The Brazilian Escola Superior de Advocacia Núcleo Guarujá (Superior Studies Law School for Lawyers, Guarujá unity) is an institution connected to the Brazilian Bar Association that aims to provide specific classes to improve lawyers and legal workers as Judges, Public Prosecutors, Public Lawyers, students, among others. Currently, Dr. Thiago Felipe Avanci is the chairman of the Guarujá Unity of the Escola Superior de Advocacia.

Mais notícias

Rua Buenos Aires, 800 - GUARUJÁ - SP  -  (13) 3355-6260  -   guaruja@oabsp.org.br


Copyright © 2017 - OAB ESA. Todos os direitos reservados | By HKL